Tudo indica que a história dos vestidos de noiva começou na Grécia Antiga, quando os noivos eram guiados pelo mito de Himeneu, Deus do Casamento. Ele dizia que os casais teriam má sorte durante o matrimônio se as mulheres não casassem de branco e com um buquê nas mãos.

Também foi nessa época que a tradição de a noiva seguir no lado esquerdo do companheiro surgiu. Isto porque os homens deveriam ter a mão direita livre para sacar e manusear a espada, caso aparecesse algum animal durante a festa ou outro inimigo.

Já na Idade Média, o conceito dos vestidos de noiva mudou. As mulheres se casavam com cores diversas, sem ter um padrão como o branco que conhecemos atualmente. Na época, o que predominava eram os modelos vermelhos e com bordados, mas não era regra.

No século XIX, a rainha Vitória, do Reino Unido, iniciou a moda dos vestidos brancos. Ela se casou com um modelo de cetim branco com flores de laranjeiras, o que incentivou as outras noivas do reino, principalmente as da nobreza e da classe alta, a utilizarem modelos parecidos em seus casamentos.

Porém, foi apenas na década de 1920 que o branco ganhou o destaque que conhecemos hoje. As mulheres, que lutavam por mais direitos na época, entravam de branco na igreja para representar a pureza e a ideologia romântica que a união simbolizava.



Modelos de Vestido de Noiva com Corpete

O corpete sempre foi um aliado das mulheres que querem ressaltar a cintura. Para dar um ar mais elegante, misturado à meiguice e à feminilidade, sem deixar de mostrar as curvas e valorizar o corpo, a peça passou a fazer parte do look das noivas.

Moderna, a peça é perfeita para quem procura destacar os seios e pode ser utilizada por noivas com quaisquer tipos de corpo, já que o corpete dá mais sustentação. Além disso, ele pode ser incorporado a diversos modelos de vestidos, até mesmo os de manga comprida.

Os mais comuns, entretanto, são os tomara que caia, que podem ter pedrarias, bordados, brilhantes, tules e detalhes rendados para diferenciar dos vestidos mais tradicionais. Mais do que isso, é possível investir em diversas opções de caudas para que o modelo seja único.

Exemplos disso são os vestidos de noiva com corpete que trazem saia tipo princesa, a mais clássica. Eles também ficam elegantes com a cauda longa, sereia ou semi-sereia, e até mesmo com um tule, a fim de dar mais volume à região.

Você também pode apostar em diversas cores e tons que vão até os mais claros. Existem vestidos que aliam sensualidade e feminilidade com as cores vermelha, preta, amarela, champagne, entre outras.

Alugue ou Compre seu Vestido de Noiva com Corpete

Se você está em busca de um vestido de noiva com corpete, não deixe de visitar a Feira da Noiva! Nela, é possível encontrar tudo o que você procura para fazer com que seu casamento seja indescritível: são modelos com cortes, detalhes e cores que variam das clássicas às mais modernas.

Com possibilidades de escolher decoração, buffet e todas as roupas, não é à toa que esse evento é um dos mais cobiçados pelos noivos de todo o Brasil. Realizada aos domingos, na região central de São Paulo, a feira reúne os principais lojistas da Rua São Caetano, a famosa Rua das Noivas.

Além de experimentar petiscos e assistir aos desfiles de vestidos de noivas dos principais estilistas, você terá à sua disposição uma consultora que poderá ajudar na escolha das roupas dos noivos, padrinhos e convidados. Mais do que isso, você pode obter o desenho exclusivo do vestido para comprar ou alugar.